Arquivo | Bases RSS feed for this section

Desejando todas as bases do mundo!

10 nov

Ou quase todas! hehehehe… Ainda aproveitando que o assunto é pele, vou dividir com vocês minha listinha de desejos no quesito base! Vamos ver?

Teint Miracle, Lancome

Gente, essa é a base da princesa… Precisa dizer mais alguma coisa? rsrsrs… Tem muitas reviews por aí de meninas super apaixonadas por ela… O grande atrativo dessa base, para mim, é que ela diz que proporciona uma luminosidade “que vem de dentro”. Ela tem 37% de água na composição, o que proporciona uma textura super leve e confortável de usar.  Além disso, ela tem uma cobertura entre leve e média (que pode ser construída) e ótima duração, além de não transferir. O único ponto negativo para mim é o SPF15, que pode atrapalhar em ocasiões com muitas fotos (e, consequentemente, muitos flashes…).

Skin Base Foundation, Illamasqua

Essa base é um lançamento da Illamasqua e já me chamou a atenção. Para começar, a marca se inspirou nos BB Creams asiáticos para criar essa base (apesar de os agentes clareadores e o SPF não estarem presentes na fórmula) e diz que o produto é algo único no mercado do Reino-Unido (país de origem da Illamasqua). Ela promete ser fácil de espalhar e criar uma pele perfeita e tratar a pele, além de ser apropriada para ambientes HD (fotos e tv).

Reviews pela Internet afora dão conta de que ela é super pigmentada (ou seja, dá uma ótima cobertura), mas é extremamente leve e confortável de usar, além de ter uma textura de pele (nem matte demais, nem brilhosa demais). O ponto negativo é que não segura a oleosidade (bom, mas se ela tiver todas essas qualidades, eu acho que nem ligo muito para isso). E ainda por cima, a Illamasqua oferece uma variedade imensa de cores dessa base, desde a mais branquela (o tom mais claro é branco, juro) até as meninas negras.

Sheer Glow, NARS

Essa é outra base que tem uma legião de fãs! A Sheer Glow é queridinha de muitas Youtubers que eu adoro (a Pixi2woo, a TiffanyD e a Tania do Vanity Queens amam essa base!). A NARS diz que essa base tem uma textura leve que hidrata a pele e acentua a beleza natural da sua pele, deixando-a mais luminosa sem mascará-la.

Uma fato curioso é que a NARS recomenda essa base para pessoas com pele normal a seca, mas muita gente que tem pele oleosa usa e ama (e quem tem a pele mais seca também usa e ama… Vai entender…). Pelo que contam pela Internet afora, ela tem um acabamento super natural e confortável, daqueles que nem parece que você está de base, mas proporciona uma cobertura mediana. Apesar do Glow no nome, ela dá um acabamento sequinho na pele, sem ser excessivamente matte (estaria mais para um acabamento acetinado). O maior ponto negativo dessa base é a embalagem, que é uma garrafinha sem pump, o que dificulta na hora da aplicação.

Diorskin Nude, Dior

Segundo a Dior, essa base contém pigmentos minerais aliados à água termal, que proporcionam uma pele perfeita e radiante, além de tratar a pele. A tecnologia presente nessa base vai levar sua pele a uma nova dimensão.

As resenhas por aí dão conta de que ela é super sequinha, seca rápido, dá uma boa cobertura e acabamento natural, além de durar muito tempo na pele e não transferir. Além dessa base da Dior, também tenho curiosidade em experimentar a Airflash.

Studio Tech, MAC

Segundo a MAC, essa é uma base tri-fásica. Ela une água, emolientes e pó na sua formulação, o que proporciona uma aplicação única, sendo uma emulsão cremosa num primeiro toque e ao deslizar pela pele, transforma-se num pó aveludado criando um acabamento natural e opaco.

Ela, por ser cremosa, é super fácil de aplicar (com um pincel duo fiber ou kabuki). Ela dá uma cobertura entre leve e média, que pode ser construída com mais camadas. O acabamento dela é entre matte e acetinado (seria um matte natural?) e segura a oleosidade relativamente bem. Ela tem difusores ópticos que  ajuam a  suavizar poros dilatados e linhas finas. Além disso, fotografa muito bem.

Light As Air, Jemma Kidd


A Jemma Kidd é uma marca ainda bem pouco badalada aqui no Brasil, mas eu tenho curiosidade de testar alguns produtos da marca, graças às irmãs Pixiwoo (morro de vontade de experimentar o iluminador em creme). Essa base em particular entrou na minha listinha por ser a preferida da Pixi2woo.

Quem usa essa base diz que ela fica suuuuper natural na pele, e foi isso que fez incluí-la nessa listinha. Ela é super leve e confortável de usar, parece que é sua pele mesmo. A cobertura dela fica entre leve e média, mas pode ser construída. O acabamento é mais lustroso e hidratado, então ela provavelmente não segura muito bem a oleosidade. O ponto negativo para mim é o SPF (para que colocar um SPF baixo numa base? Não serve para proteger a pele e ainda reflete o flash!) .

Dermablend, Vichy

A Dermablend entrou na minha listinha depois que algumas meninas do Flickr passaram a usar (e amar) ela. Depois, veio aquele vídeo do carinha todo tatuado e agora não tem como não desejar ela! rsrs… A fórmula da Base de Cobertura Maleável DERMABLEND, alia uma alta concentração de pigmentos a uma textura ultra-flexível. Para uma pele perfeita 12 h. Sem efeito de máscara. Para todos os tipos de pele, mesmo a mais sensíveis e fragilizadas.

Eu adoro uma base de alta cobertura! Ó céus! (mas ultimamente tenho desejado alta cobertura com o acabamento mais leve e natural possível…). A Dermablend tem alta cobertura (dizem que é o Photoshop em tubinho), acabamento semi-matte e dura bastante tempo na pele. Ela segura relativamente bem a oleosidade. O ponto negativo para mim (de novo) é a presença do SPF.

Perfection Lumiere, Chanel

Depois que fiquei viciada nas Pixiwoos, comecei a desejar uma base da Chanel, já que é de longe a marca preferida das irmãs para base (sim, sou influenciável! rsrs). E como a Chanel lançou recentemente essa base, fiquei com vontade de testar.

Essa base tem cobertura entre leve e média, acabamento semi-matte, ótima duração e não transfere. O ponto negativo (além do maldito SPF) é o precinho, que é bem salgado (US$55).

Gente, é bom deixar bem claro que eu nunca experimentei nenhuma dessas bases e que todas as informações que eu coloquei sobre elas são frutos de pesquisas pela Internet afora (logo, são opiniões de outras pessoas, não minhas).

Bom, com uma lista desse tamanho, eu provavelmente não vou experimentar todas as bases (já que eu ainda não ganhei na Megasena… Além disso, acho um pecado ter trocentas bases abertas sem conseguir usar todas antes delas passarem da validade). Mas posso dizer para vocês que, se tivesse que escolher apenas algumas dessa lista enorme para testar, eu ficaria com a Teint Miracle da Lancome, a Sheer Glow da NARS, a Skin Base da Illamasqua e a Studio Tech da MAC.

E vocês meninas? Quais bases estão na wishlist de vocês? Alguém aí já usou alguma dessas bases da minha listinha?

Anúncios

Resenha: Base HD Make Up For Ever

9 nov

Olá, meninas! Hoje eu vou falar para vocês um pouquinho sobre a minha base HD da Make Up For Ever, ou MUFE, para as íntimas…

Embalagem: garrafinha de 30ml com pump
Preço: US$40
Tonalidades disponíveis: 26 tons
Minha cor: 120 – Soft Sand (for medium light skin with yellow undertones)
Detalhes: HD

Já falei bastante sobre ela no vídeo, mas se você não quer/não pode assisti-lo, vou colocar algumas das minhas impressões sobre ela aqui também…

A embalagem é bem legal, de plástico com o tão amado pump, que evita o desperdício de produto. O único problema dessa embalagem é que é muito difícil saber quanto produto ainda resta no vidrinho… Então, você só vai saber que sua base acabou quando ela de fato acabar…

Esse tom (120) está um pouquinho mais escuro e amarelado do que a minha pele (estou NC20), mas dá para usar sem que a diferença de cor fique absurda (mais embaixo tem uma tabela comparando as cores da MUFE e da MAC). Acho que, atualmente, o tom ideal seria o 118.

O acabamento dela é algo difícil de explicar (digo difícil porque eu nunca lembro dele ao aplicar a base, porque ele não me chama a atenção já que é bem confortável…). Ela definitivamente não é uma base mate. Se você gosta de pele super sequinha e opaca, a HD não é a melhor escolha para você. Só que ela também não tem um acabamento super lustroso ou brilhante, como a Face & Body, por exemplo. O acabamento dela é algo entre o matte e o lustroso, tendendo um pouco mais para o lustroso. Lembra pele hidratada.

Outra foto para tentar mostrar melhor o acabamento dela.

Ela não é uma base que segura a oleosidade. Se você está procurando uma base para te manter com a pele sequinha o dia todo, a HD não foi feita para você. Quando eu uso ela, parece que fico mais oleosa do que se eu não estivesse com maquiagem: em umas 2 ou 3 horas, minha pele já fica meeeega oleosa.

Ela tem uma cobertura média. Ela não cobre 100% todas as imperfeiçõezinhas da minha pele, deixa ainda algumas manchinhas visíveis. Para cobrir tudo, é preciso uma segunda camada sobre as manchinhas para cobrir (eu aplico mais produto só nas manchinhas e não na pele toda para não ficar muito carregado).

Como ela se intitula uma base HD, ela fotografa bem (como ela não tem SPF, não reflete o flash nem nada disso). O único problema é que, como ela deixa a pele um pouco mais oleosa, esse excesso de oleosidade pode não fotografar bem. Mas nada que um pózinho matificante não resolva.

Minha opinião sobre ela é que é uma boa base para quem procura uma base com cobertura média (pessoas com a pele boa, sem muita coisa para cobrir), com acabamento natural de pele e, ao mesmo tempo, confortável de usar. Eu acho um ótimo produto, mas ainda não é A base da minha vida (eu tinha grandes expectativas com ela, e ela não correspondeu 100% ao que eu esperava, mas ainda é um bom produto).

Tabela de comparação entre MUFE e MAC:


Se você quiser ver os swatches da Karla Sugar de vários tons dessa base, clica aqui.

Alguém aí tem essa base? Gosta? Qual é a base preferida de vocês?